A abertura de vagas temporárias deve chegar a 400 mil no último trimestre do ano. Segundo a Associação Brasileira do Trabalho Temporário, os principais segmentos que buscam reforços de trabalhadores temporários em outubro são alimentos, farmacêutico, embalagens, metalurgia, mineração, automobilístico e agronegócio.

A explicação é que neste mês o setor da indústria ainda deve puxar as contratações para suprir a alta demanda do mercado. Já nos meses de novembro e dezembro, o destaque será o comércio, seguido pelo setor de serviços para pessoas físicas.

“Com a proximidade do Natal, o comércio abrirá muitas vagas temporárias. Assim, quem está desempregado deve ficar atento a essas oportunidades que vão surgir”, afirma o presidente da associação, Marcos de Abreu.

Ele orienta o trabalhador a procurar uma agência de trabalho temporário por meio do site da Asserttem, que lista agências associadas e registradas no Ministério da Economia, dividas por estado.

DEIXE UMA RESPOSTA

Digite seu comentário!
Favor preencher seu nome aqui