Foto: Polícia Civil/Divulgação

Com o auxílio do IGP (Instituto-Geral de Perícias), a Polícia Civil gaúcha cumpriu, na manhã desta terça-feira, 21, quatro mandados de busca e apreensão em Tramandaí, no Litoral Norte, para combater a pirataria digital.

A ação faz parte da Operação 404, que é coordenada pelo Ministério da Justiça e Segurança Pública e conta com a colaboração de autoridades dos Estados Unidos e do Reino Unido.

Foram apreendidos HDs internos, outros dispositivos de informática e aparelhos de recepção de IPTV. Duas pessoas foram presas.

Além do RS, policiais de outros dez Estados brasileiros (Alagoas, Bahia, Espírito Santo, Goiás, Minas Gerais, Mato Grosso, Pará, Pernambuco, Rio de Janeiro e São Paulo) realizaram buscas e apreensões e o bloqueio de sites e aplicativos.

Segundo o Ministério da Justiça, os investigados capturavam o sinal de canais de televisão fechada e cobravam para repassá-los para assinantes do serviço de pirataria.

Durante a ação nos 11 Estados, os agentes bloquearam 266 sites e 461 aplicativos de streaming pirata e removeram perfis e páginas de redes sociais e de buscadores da internet. A pasta estima que o prejuízo causado pelos crimes é de R$ 306 milhões. A Operação 404 iniciou em 2019 e já se encontra na sua quarta fase.

Fonte: O Sul

DEIXE UMA RESPOSTA

Digite seu comentário!
Favor preencher seu nome aqui