Faleceu nesta sexta-feira, 08, aos 59 anos de idade, Moacir Moraes da Rosa. Ele era mais conhecido como Chiquinho da Pedreira ou Prateado – porque se pintava de prata e atuava como estátua viva, no Centro de Santa Cruz do Sul.

Ele estava internado no Hospital Santa Cruz desde a véspera de Natal de 2020. As causas da morte ainda ainda não foram confirmadas.

DEIXE UMA RESPOSTA

Digite seu comentário!
Favor preencher seu nome aqui