Foto: Prefeitura de Torres/Divulgação

Equipes da Fepam (Fundação Estadual de Proteção Ambiental) iniciaram nesta semana as coletas de amostras para a temporada 2023-2024 do Projeto Balneabilidade, que determina se as praias gaúchas estão próprias ou impróprias para banho. A divulgação dos boletins começará na segunda quinzena de dezembro e prosseguirá até março de 2024.

Serão monitorados 91 pontos em 44 municípios gaúchos, durante 16 semanas. A atualização dos boletins ocorrerá semanalmente, sempre às sextas-feiras. Placas informativas serão afixadas nos pontos monitorados. O projeto conta com o apoio da Corsan (Companhia Riograndense de Saneamento) e do Sanep (Serviço Autônomo de Saneamento de Pelotas).

Na terça-feira, 14, a Gerência Regional do Litoral Norte da Fepam percorreu as praias de Quintão a Torres para coletar a primeira leva de materiais para análise microbiológica pelo laboratório da fundação, localizado em Porto Alegre.

A Corsan acompanha 51 pontos no interior do Estado. São rios, lagoas, a Laguna dos Patos e praias do Litoral Médio e Litoral Sul. Também parceiro do projeto, o Sanep monitora a balneabilidade no município de Pelotas, sendo responsável pela coleta e análise em oito pontos.

Fonte: O Sul

DEIXE UMA RESPOSTA

Digite seu comentário!
Favor preencher seu nome aqui