Foto: Divulgação

A Abertura da Colheita do Tabaco no Rio Grande do Sul será realizada no dia 28 de outubro, data que coincide com a celebração do Dia do Produtor de Tabaco. A programação terá início às 14 horas e será realizada na propriedade do produtor Oladi Lucio Schröeder, na localidade de Faxinal de Dentro, em Vale do Sol. Promovida pela Secretaria da Agricultura, Pecuária e Desenvolvimento Rural (SEAPDR), a festividade é um evento oficial do governo gaúcho e sua realização conta com o apoio do Sindicato Interestadual da Indústria do Tabaco (SindiTabaco) e da associação dos Fumicultores do Brasil (Afubra).

A programação contará com a presença de autoridades regionais e estaduais, além de representantes de órgãos governamentais e de entidades ligadas ao setor. Os participantes do evento presencial deverão seguir os protocolos de distanciamento em função da pandemia da Covid-19, que ainda persiste.

Além da cerimônia de abertura da colheita e celebração do Dia do Produtor, o ato contará também com a assinatura do termo de cooperação técnica do Programa Milho, Feijão e Pastagens após a Colheita do Tabaco, que, no Rio Grande do Sul, é realizado em parceria com o governo gaúcho, através da Secretaria da Agricultura. Esse programa de diversificação, além do SindiTabaco, Afubra e SEAPDR, tem também a participação da Emater, Federação dos Trabalhadores na Agricultura (Fetag-RS) e Federação da Agricultura do Estado do Rio Grande do Sul (Farsul).

VALE DO SOL – Anfitrião da Abertura da Colheita deste ano, Vale do Sol é um dos 206 municípios gaúchos produtores de tabaco. Com 12.373 toneladas produzidas, é o quinto município no ranking gaúcho da produção de tabaco da safra 2020/2021 e o nono no ranking nacional. Os 2.556 produtores vale-solenses cultivaram 5.277 hectares e obtiveram a produção média de 2.345 quilos por hectare.

DEIXE UMA RESPOSTA

Digite seu comentário!
Favor preencher seu nome aqui