Quatro escolas da rede municipal de Santa Cruz do Sul serão repaginadas para o primeiro semestre do ano letivo. Em evento realizado no salão nobre do Palacinho na tarde desta terça-feira, 11, o prefeito Telmo Kirst assinou o termo de início das obras de revitalização da Emef Félix Hoppe, de Linha Nova, e os contratos para melhorias na Emef Rio Branco, de Linha Saraiva, Emei Sonho de Criança, no Bairro Faxinal Menino Deus, e Emef Emanuel, de São José da Reserva. Ao todo, os investimentos chegam a R$ 380 mil, com recursos próprios da Prefeitura.

De acordo com a Secretaria Municipal de Educação (SEE), a revitalização na Emef Félix Hoppe inicia já nesta quarta-feira, 12. As obras na instituição, que somam cerca de R$ 80 mil, contemplam pintura interna e externa, recuperação da canalização e melhorias na quadra esportiva. A expectativa é de que tudo seja concluído em um mês. A empresa MBG Ferragens estará responsável pela pintura, enquanto uma equipe da SEE dará conta do restante da demanda.

Os alunos da Emei Sonho de Criança também poderão contar com um espaço renovado ainda neste semestre. Segundo a Secretaria de Educação, no local, está prevista a pintura interna e externa do prédio, além da instalação de um playground no complexo, que também abriga a Emef Menino Deus. Os estudantes da instituição também serão beneficiados com a nova pracinha. Nos últimos dois anos, a Emei já foi contemplada com a troca de cobertura e a instalação da climatização.

Os investimentos também beneficiarão estudantes do interior de Santa Cruz do Sul. Na Emef Emanuel, além da pintura do prédio e da quadra, será recuperada a Brizoleta da instituição. Nela, que atualmente funciona como sala de aula, serão feitas a troca de madeirame, melhorias na instalação elétrica e pintura interna e externa. Já na Emef Rio Branco, o destaque fica por conta da revitalização da área externa, onde ficam a quadra e o campo de futebol. Nos três educandários, as obras devem começar neste mês e a expectativa é de que estejam prontas ainda no primeiro semestre. Os trabalhos serão realizados por uma equipe própria da SEE e de uma empresa terceirizada, a Valdeci Cavalheiro ME.

O projeto de revitalização das instituições de ensino teve início em 2016, com a Emef Luiz Schroeder, e já conta com 25 escolas revitalizadas. Somente em 2019, os investimentos da SEE em revitalização e manutenção de escolas alcançaram R$ 1,4 milhões. Este ano devem ultrapassar R$ 1 milhão.