Foto: Guilherme Neuhaus

Com a aproximação do verão e do calor, a proliferação de mosquitos torna-se uma preocupação para a saúde pública. Para prevenir doenças causadas pelo Aedes aegypti, a Prefeitura de Santa Cruz do Sul está realizando a distribuição de repelentes às escolas municipais de educação infantil (EMEI) e também às privadas conveniadas.

Na manhã de terça-feira, 09, a prefeita Helena Hermany esteve na EMEI Sonho de Criança, no Bairro Menino Deus, com os secretários João Miguel Wenzel (Educação) e Daniela Dumke (Saúde), para fazer a entrega dos produtos.

A comitiva municipal foi recebida por representantes da escola. A diretora do estabelecimento, professora Viviane Elisa Rauber, destacou que a iniciativa é importante para a proteção das crianças. “Ficamos muito felizes em receber essa doação. Nossa escola fica em um bairro carente e é necessário esse olhar mais sensível à comunidade”, declarou. A EMEI Sonho de Criança atende 132 crianças, de 0 a 4 anos, em turno integral.

Conforme a secretária Daniela, os recursos para aquisição dos repelentes foram obtidos através do Programa Saúde na Escola (PSE). Ao todo, serão distribuídos 2100 frascos do produto às 20 EMEI e mais 14 escolas infantis privadas conveniadas. O lote entregue terá condições de suprir as necessidades dos estudantes pelo período de três a quatro meses. Ela enfatiza que o mosquito Aedes aegypti é responsável pela transmissão da dengue, zika e chikungunya. Helena Hermany frisou que a escola é um importante canal para que informações sobre os cuidados com a saúde cheguem até as famílias. A prefeita destacou o compromisso da sua administração em cuidar da população. “Estamos atuando para que nossas crianças possam frequentar o ambiente escolar com tranquilidade e retornar para suas casas sem riscos”, declarou.

DEIXE UMA RESPOSTA

Digite seu comentário!
Favor preencher seu nome aqui