Crédito da foto: Gabriella Tayane

A Luvix União Corinthians foi derrotada pelo UNIFACISA na noite desta quarta-feira, 17, na Arena UNIFACISA, em Campina Grande, na Paraíba. A partida foi válida pela sétima rodada do Novo Basquete Brasil (NBB) e teve placar de 104 a 99 (30×28, 18×22, 18×28, 33×26). Os destaques do União Corinthians foram o armador Enzo Cafferata com 22 pontos, 5 rebotes e 3 assistências, e o ala/pivô Mike Simms que teve 17 pontos, 4 rebotes e 5 assistências.

O treinador Athos Calderaro manteve o quinteto titular mais utilizado durante o torneio, Simms, Cafferata, Gillard, Teichmann e Gruber; no lado adversário Gerson, Crescenzi, Cubillan, André Goes e Hubner iniciaram a partida. O primeiro quarto foi de domínio dos ataques, vantagem do União Corinthians por 30 a 28, ênfase no aproveitamento das cestas de 3 do time santa-cruzense, 7/15 (46%).

A segunda etapa manteve o equilíbrio, apesar da queda ofensiva das duas equipes. O placar ao intervalo foi de 50 a 48 para o UNIFACISA, o líder da equipe gaúcha foi o ala/pivô Gruber com 17 pontos – 4/7 no perímetro -, enquanto os paraibanos tiveram o pivô Gerson com 16 pontos.

O retorno do intervalo foi complicado para o União Corinthians, onde o adversário abriu 11-0 no período. Para buscar uma recuperação na partida, o banco de reservas se mostrou essencial, em especial, o pivô Malachias com 7 pontos no quarto, apesar disso, o UNIFACISA levou uma liderança de 12 pontos para a etapa final.

O União Corinthians começou sua reação com uma arrancada de 8 a 4 nos primeiros três minutos do quarto decisivo. Comandados pelo armador Cafferata e pelo ala/pivô Gillard, o time gaúcho levou a partida apertada até os segundos finais, mas viu o ala André Goes fazer 13 pontos neste quarto para vencer a partida, 104 a 99.
Liderados pelo treinador César Guidetti, o UNIFACISA teve como destaques o pivô Gerson com 19 pontos e 5 rebotes, e o armador Cubillan que anotou 18 pontos, 4 rebotes e 5 assistências.

Avaliação: “Não podemos ter períodos de tempo onde a equipe cai tanto (em relação ao terceiro quarto), o que nos coloca em situação de correr atrás e chegar no fim para virar ou ganhar. Conseguimos chegar, então tem que melhorar e buscar uma constância maior, sem esses altos e baixos”, enfatizou o experiente ala/pivô Guilherme Teichmann.

O próximo confronto é sexta-feira, 19, contra o Fortaleza, no Centro de Formação Olímpica, em Fortaleza, no Ceará. A caminhada para o NBB é realizada em parceria com Luvix, Mor, Cristallux, KTO, Unisc, Unimed e Medlive, além do apoio da Prefeitura de Santa Cruz do Sul.

DEIXE UMA RESPOSTA

Digite seu comentário!
Favor preencher seu nome aqui