Foto: Divulgação

Após longo período de preparação, mudanças em processos internos, inclusão de novas práticas à rotina, revisão de documentações e adequações para atendimento de critérios, o Hospital Ana Nery, de Santa Cruz do Sul, inicia o ano celebrando uma importante conquista. A instituição recebeu a Acreditação Nível 1, da Organização Nacional da Acreditação (ONA).

A Acreditação é um método de avaliação e certificação que busca, por meio de padrões e requisitos previamente definidos, promover a qualidade e a segurança da assistência no setor de saúde. Uma instituição com selo de Acreditação possui um serviço diferenciado, com mais qualidade e segurança para todos os seus usuários.

A certificação do Ana Nery foi concedida após rigorosa auditoria, realizada nos dias 13 e 14 de dezembro. Segundo o diretor executivo do hospital, Gilberto Antonio Gobbi, a Acreditação demonstra o comprometimento da instituição com a segurança e cuidado ao paciente.

Gobbi também destaca o engajamento de todos os colaboradores, de membros do Corpo Clínico e de serviços parceiros. “Plantamos a semente e nossos colaboradores, os médicos e serviços terceirizados que são parceiros da instituição embarcaram no desafio conosco. Se hoje estamos comemorando com alegria a certificação, devemos muito disso a eles”, avalia.

Segundo a enfermeira Suzeline Ferreira, coordenadora do CCIH da instituição, que participou de todo o processo até a Acreditação, o Ana Nery já realizava muitas das rotinas necessárias para obtenção do selo de hospital Acreditado, sendo que o maior desafio foi formalizar os processos já existentes, muitos dos quais não estavam descritos, além de envolver as equipes, para que adotassem no dia-a-dia as mudanças necessárias, contidas no manual da ONA.

Para Liliane Hoehne, analista de qualidade do hospital, que conduziu a certificação, a Unimed VTRP, através do Projeto Qualificar, foi uma grande impulsionadora do processo de Acreditação. “O Qualificar nos mostrou que era possível buscar a Acreditação e que tínhamos capacidade para obtenção do selo”. Ela também agradece à EJRos Brasil pela consultoria prestada desde 2018.

DEIXE UMA RESPOSTA

Digite seu comentário!
Favor preencher seu nome aqui