“Foi uma mão na roda.” É assim que a aposentada Valdeni Theresinha de Assis define a Farmácia Três Coqueiros, instalada há um ano no Bairro Ana Nery. Moradora da localidade de Capão da Cruz, a mulher, de 62 anos, precisa buscar medicamentos para o filho e o companheiro dela. “Antes eu ia no Hospitalzinho ou na farmácia do Centro, mas geralmente tinha fila. Aqui facilitou muito. É mais perto e tem menos movimento. Também não tenho o que me queixar do atendimento, pois as meninas são sempre muito atenciosas”, elogia.

Assim como ela, o aposentado Ezequiel Gonçalves Porto, de 66 anos, destaca a facilidade proporcionada pela unidade no local. “Aproveito que preciso retirar autorização de medicações para minha esposa no Hospital Ana Nery e já passo aqui”, conta o morador do Bairro Rauber. Natural de Santana do Livramento e residindo há 35 anos em Santa Cruz, o homem também lembra do diferencial do espaço. “É bom demais. Posso até vir nos sábados, já que outros lugares (farmácias públicas) não abrem.”

Inaugurada no dia 3 de agosto do ano passado, a Farmácia Três Coqueiros já dispensou mais de 38,5 mil receitas de remédios. Considerando frascos e comprimidos, foram 2,8 milhões de medicamentos. De acordo com a farmacêutica responsável pelo local, Marisa Leão, os dias de maior movimento costumam ser segundas e sextas. “Porém, em início de mês, há bastante procura em todos os dias da semana”, diz.

O funcionamento da Farmácia Três Coqueiros ocorre de segunda a sexta-feira, do meio-dia às 18 horas e, aos sábados, das 8 às 13 horas. A unidade está instalada no antigo módulo da Brigada Militar. O local foi escolhido de forma estratégica para beneficiar em torno de 35 mil pessoas, principalmente moradores dos bairros Arroio Grande, Ana Nery, Aliança, Esmeralda, Castelo Branco, Santo Antônio, São João e Progresso. Foram investidos cerca de R$ 12 mil na reforma do prédio, que incluiu melhorias nas redes elétrica e hidráulica, internet e acessibilidade. A Prefeitura não teve custos com mobiliários, já que foram remanejados de outros departamentos, nem com contratação de profissionais, que foram apenas realocados da rede de Saúde.

DEIXE UMA RESPOSTA

Digite seu comentário!
Favor preencher seu nome aqui