O Hospital Santa Cruz (HSC) recebeu na quinta-feira, 24, a doação de 500 unidades de máscaras de proteção individual produzidas por apenadas do Presídio Estadual de Santa Cruz do Sul (PESCS) e do Presídio Estadual Feminino de Lajeado (PEFL). O material foi entregue pela equipe diretiva da 8ª Delegacia Penitenciária Regional (DPR) ao diretor geral da casa de saúde, Vilmar Thomé, que visitou a sede da delegacia acompanhado da assessora de projetos e captação de recursos da Instituição, Luiza Machado Lima Knak, do assistente de projetos e captação de recursos, Evandro Leal Melo, e da coordenadora de relacionamento e serviços, Carolina Galan de Lima. No encontro a equipe do Hospital também apresentou o Projeto Revitaliza HSC, que tem como objetivo ampliar e restaurar as estruturas da Instituição com o auxílio da comunidade.

Desde o mês de maio as apenadas do PESCS já produziram mais de 18 mil unidades de máscaras de proteção individual, No PEFL, foram mais de 28 mil. A produção segue os rigorosos critérios da Agência Nacional de Vigilância Sanitária e o material utilizado é proveniente de doações da comunidade.

O trabalho prisional, além de dar uma formação profissional às pessoas presas e mantê-las ocupadas, possibilita a elas a remição da pena, além de, nesse caso, a satisfação de prestarem uma ação solidária, o que se enquadra dentro das políticas da Secretaria da Administração Penitenciária (Seapen) e da Superintendência dos Serviços Penitenciários (Susepe). Também propicia o retorno ao convício social da população carcerária com possibilidades de se reenquadrarem no mercado de trabalho, ressignificando suas vidas.

DEIXE UMA RESPOSTA

Digite seu comentário!
Favor preencher seu nome aqui