Seguindo o circuito de entrevistas com os candidatos à Prefeitura de Santa Cruz do Sul, na manhã desta sexta-feira, 25, estiveram no estúdio cristal da Rádio Santa Cruz os pré-candidatos Alex Knak (MDB) e Fabiano Dupont (PSB). Em um bate-papo de trinta minutos, a dupla contou como estão sendo os primeiros passos da caminhada e trouxe ainda algumas propostas de seu plano de governo que será protocolado ainda no dia de hoje.

Amparados pela coligação entre MDB, Podemos, PSB, PSL e PDT, a candidatura foi uma das primeiras oficializadas no município. Knak, que atualmente é vereador pelo MDB, foi para o pleito de 2016 como uma jovem promessa na política local e acabou sendo eleito o vereador mais votado da história do município, com uma votação histórica de 3,4 mil votos. Atuou ainda como Secretário Municipal de Transportes no primeiro mandato do prefeito Telmo Kirst. Já Dupont foi terceiro lugar na eleição de 2016 para o Executivo com 6,8 mil votos e tem experiência de 18 anos de trabalho na Assembleia Legislativa, juntamente com o Deputado Heitor Schuch.

Para Knak, que desde o início foi cogitado como um nome para concorrer ao Executivo, o momento é importante e diz estar preparado. “Tô feliz e acho que isso é muito importante. Me preparei muito para esse momento, tive a experiência de passar pela Secretaria dos Transportes, onde trabalhei muito pela mobilidade urbana, fazendo um trabalho que ficou registrado no nosso município com foco sempre em todas as pessoas que compõem o trânsito. Foi uma experiência muito boa, ter participado da gestão do prefeito Telmo Kirst onde deixamos ainda um grande legado, que foi o edital do transporte público coletivo, onde hoje temos ônibus novos, ar condicionado, acessibilidade e paradas de ônibus modernas. Políticas públicas que realmente fazem a diferença na vida das pessoas”, frisou.

Por outro lado, Dupont diz estar seguindo um projeto iniciado em 2016. “Venho de uma caminhada desde a eleição de 2016, onde fui para um enfrentamento da boa política, não obtive êxito, mas ficou um projeto em construção. Nossa posição sempre foi de pensar no bem das pessoas e no coletivo e, quando analisamos internamente que o Alex foi a pessoa que mais trabalhou em Santa Cruz nos últimos anos, entendemos que era o momento de unir forças para construir um projeto para o bem da cidade e não o bem individual. Além disso, essa união se deu muito também pelo Alex ser um cara e um político de palavra”, destacou.

A dupla se diz ser movida a desafios, ressaltando a consciência em não existir uma eleição fácil, ainda mais com outras seis candidaturas, mas que estão prontos e preparados para o desafio. “Vamos fazer a nossa política como sempre fizemos, propondo e discutindo, porque acho que é isso que a sociedade espera. Foi assim meu mandato como vereador e nesse período eleitoral que se aproxima, não vai ser diferente”, disse Knak.

“Quando a gente fala em algo melhor para a cidade, não significa que o que tem até hoje não é bom, mas sim que temos muitas coisas em que podemos melhorar, deixar uma cidade melhor”, frisou Dupont.

Além disso, para a dupla, a boa política é movida pela proximidade com a comunidade, sob o argumento de que as necessidades e as melhores ideias vem da população. “Ouvir as pessoas para depois servir, é uma missão que teremos pela frente.”

 

PROPOSIÇÕES

Para a dupla, tudo se completa pelo fato de que Dupont, traz a experiência de 18 anos na Assembleia Legislativa, com uma bagagem política que acredita ser essencial para a soma de perfis da dobradinha no pleito. “Tenho um perfil técnico, aliado à política”, destacou. “Agregamos experiência e força em prol do município”, acrescentou Knak.

“A população quer saúde de qualidade e educação, mas acreditamos que o momento pós pandemia terá como pauta permanente o desenvolvimento econômico, geração de emprego e renda. E nós estamos preparados para contribuir com Santa Cruz quando o quesito for emprego e renda”, destacou Knak.

“Nosso plano de governo que será protocolado hoje, vem com um viés muito forte na área da agricultura. Queremos manter um trabalho de excelência nas estradas para que o produtor possa dar uma destinação ideal ao seu produto. Recentemente tivemos aprovado ainda um projeto que proíbe a venda  de refrigerante nas escolhas e isso impactou diretamente no produtor, porque muitos diversificaram seus pomares com produção de frutas, incentivando ainda a alimentação saudável.

Temos que expandir a rede trifásica também para dar mais qualidade de vida para o homem do campo e esse é outro compromisso que firmamos. O homem do campo pode sim ter certeza que trabalharemos muito por eles”, finalizou Knak.

Alex tem como seus últimos dois projetos aprovados no Legislativo o que propõe câmeras de monitoramento em frente às escolas públicas e também a publicidade e transparência do Comitê de Emergência da Covid-19 em Santa Cruz.

 

*Sabrina Heming

DEIXE UMA RESPOSTA

Digite seu comentário!
Favor preencher seu nome aqui