Na manhã de terça-feira, 27, a Brigada Militar e os fiscais da Secretaria de Agricultura do Estado preparavam-se para dar início a Operação Sanitária em Vale Verde, quando às 11h, receberam uma denúncia que abigeátarios teriam efetuado disparos de arma de fogo em uma propriedade rural na localidade de picada do queijo, interior do município. Imediatamente uma guarnição da Brigada Militar de Vale Verde foi para o local onde localizaram dois animais amarrados para o abate e carcaças de outros animais carneados há mais dias.

Os animais foram devolvidos aos seus proprietários.

Após evitarem a subtração dos bovinos, deu-se início a Operação, que contou com o efetivo dos municípios de Venâncio Aires, Santa Cruz do Sul, Passo do Sobrado e General Câmara.

Na ação, foi vistoriado um abatedouro e um açougue.

O estabelecimento comercial foi notificado e lavrado uma comunicação de ocorrência por venda de carne sem procedência e sem condições adequadas para consumo (conforme Lei nº 8137 /90, c/c Art. 18 § 6º, II, da Lei 8078/90). Os produtos apreendidos foram miúdos e envoltórios bovinos totalizando 32 quilos e toucinho suíno num total de 24,540 quilos.

Ainda, foram apreendidas etiquetas lacre para carcaça por estarem em local diverso do previsto em lei. Os produtos serão destinados a graxaria. Os estabelecimentos estão sendo fiscalizados de forma aleatória.

DEIXE UMA RESPOSTA

Digite seu comentário!
Favor preencher seu nome aqui